Dados da Região

Segundo dados divulgados em 11 de outubro pelo IBGE, o Brasil produziu 35,17 bilhões de litros de leite em 2014, sendo 2,7% a mais que em 2013.

Foi uma queda e tanto no crescimento, haja vista que de 2012 para 2013 a produção aumentou 6%

Entre as 3 maiores regiões produtoras, a região Sul foi onde a produção mais aumentou( 3,6%), enquanto na Sudeszte aumentou 1,2% e na Centro Oeste houve queda de 0,9%.

A região Sul passou à frente da Sudeste e tornou-se a 1ª bacia leiteira nacional, com produção de 12,20 bilhões de litros produzidos em 2014.

O Paraná manteve a posição de 3º maior produtor de leite, com 4,53 bilhões de litros ficando atrás de Minas Gerais (9,37 bilhões de litros ) e Rio Grande do Sul (4,68 bilhões).

O quadro a seguir registra as produções de leite em 2013 e 2014 no Brasil e suas regiões, nos principais estados e o percentual de variação da produção.

PRODUÇÃO DE LEITE NO ANO DE 2014(bilhões de litros)
Brasil, Regiões e Estados Selecionados. 2014 2013 Variação % 2014/2013 Variação % 2013/2012
BRASIL 35,17 34,2 2,7 6
REGIÕES BRASILEIRAS
SUDESTE 12,17 12,0 1,2 4
SUL 12,20 11,8 3,6 10
CENTRO OESTE 4,97 5,0 -0,9 4
NORDESTE 3,89 3,6 8,1 3
NORTE 1,95 1,8 5,4 6
OS 7 PRINCIPAIS ESTADOS PRODUTORES POR ORDEM DE PRODUÇÃO
1ºMinas Gerais 9,37 9,3 0,75 5
2ºRio Grande do Sul 4,68 4,5 4,00 11
3ºParaná 4,53 4,3 5,35 10
4ºGoiás 3,68 3,8 -3,16 6
5ºSanta Catarina 2,98 2,9 2,76 7
6ºSão Paulo 1,78 1,68 5,95 -1
7ºBahia 1,21 1,16 4,31 8

Fonte-IBGE – elaboração DTE/FAEP

 

Rebanho de vacas ordenhadas

O rebanho nacional de vacas ordenhadas teve acréscimo de 0,48% em relação a 2013, atingindo 23.064.495 cabeças.

Entre os 3 estados com maior rebanho Minas Gerais está em 1º lugar com 5.808.524 cabeças ordenhadas, seguido por Goiás, com 2.658.373 cabeças e Bahia com 2.068.800.

Chama atenção o fato de ter havido redução no rebanho de vacas ordenhadas em 6 dos 7 maiores estados produtores, exceção apenas para o Paraná onde houve aumento de 0,48%

Produtividade

A produtividade a média brasileira ficou em 1525 litros de leite produzidos por vaca no ano de 2014, aumento de 2,21 em relação ao ano anterior.

A região Sul apresentou os maiores índices de produtividade, tendo o Rio Grande do Sul na liderança com 3034 litros produzidos por vaca, seguido por Santa Catarina (2694) e Paraná (2629).

O quadro a seguir mostra a produção de leite em 2014 , o número de vacas ordenhadas , a produtividade e as variações em relação a 2013.

ESTADOS Produção Mil litros) 2014 Vacasordenhadas (cabeças) 2014 Variação % 2014/2013 Vacas ordenhadas

Produtividade (L/leite/ vaca/ano) 2014

Variação% 2014/2013 Produtividade
OS7ESTADOS QUE PRODUZEM ACIMA DE 1 BILHÃO DE LITROS
Minas Gerais 9.367.470 5.808.524 -0,72 1613 1,36
Rio Grande do Sul 4.684.960 1.544.072 -0,70 3034 4,63
Paraná 4.532.614 1.723.996 0,48 2629 3,75
Goiás 3.684.341 2.658.373 -2,39 1386 -0,08
Santa Catarina 2.983.250 1.107.263 -2,24 2694 4,55
São Paulo 1.776.563 1.287.509 -7,41 1380 14,51
Bahia 1.212.091 2.068.800 -0,63 586 5,00

 

AS GRANDES REGIÕES POR ORDEM DECRESCENTRE DE PRODUÇÃO
ESTADOS Produção (Mil litros) 2014 Vacas ordenhadas (cabeças) 2014 Variação % 2014/2013 Vacas ordenhadas Produtivi-dade (L/leite/ vaca/ano) 2014 Variação% 2014/2013 Produtividade
REGIÃO SUL
Rio Grande do Sul 4.684.960 1.544.072 -0,70 3034 4,63
Paraná 4.532.614 1.723.996 0,48 2629 3,75
Santa Catarina 2.983.250 1.107.263 -2,24 2694 4,55
TOTAL SUL 12.200.824 4.375.331 2789
REGIÃOSUDESTE
Minas Gerais 9.367.470 5.808.524 -0,72 1613 1,36
São Paulo 1.776.563 1.287.509 -7,41 1380 14,51
Rio de Janeiro 540.056 421.460 -4,54 1281 -0,59
Espírito Santo 485.685 419.488 -1,03 1158 5,35
TOTAL SE 12.169.774 7.936.981 1533
REGIÃO CENTRO OESTE
Goiás 3.684.341 2.658.373 -2,39 1386 -0,08
Mato Grosso 721.392 580.254 4,16 1243 1,57
Mato Grosso do Sul 528.738 517.385 -2,32 1022 3,44
Distrito Federal 34.767 23.413 -3,84 1485 4,94
TOTALCO 4.969.238 3.779.425 1315
REGIÃO NORDESTE
Pernambuco 656.673 470.478 14,20 1396 2,33
Ceará 494.024 580.358 3,39 851 4,96
Maranhão 393.030 623.347 0,52 631 1,37
Sergipe 345.020 235.303 0,40 1466 3,70
Alagoas 304.674 161.462 5,12 1887 14,92
Rio Grande do Norte 232.338 257.044 11,20 904 -0,12
Paraíba 170.479 213.958 9,23 797 -0,77
Piauí 79.957 139.980 -2,51 571 -0,66
Bahia 1.212.091 2.068.800 -0,63 586 5,00
TOTAL NE 3.888.286 4.750.730 819
REGIÃONORTE
Pará 554.195 742.821 3,54 746 -0,79
Tocantins 325.145 467.669 5,82 695 14,16
Acre 51.921 81.342 4,79 638 5,16
Amazonas 51.337 110.518 -2,64 465 7,78
Amapá 11.670 13.941 6,23 837 0,37
Roraima 11.260 32.658 8,31 345 2,61
Rondônia 940.621 773.079 32,76 1217 -23,04
TOTAL N 1.946.149

 

2.222.028 876
TOTAL BRASIL
35.174.271 23.064.495 0,48 1525 2,21

Fonte IBGE-elaboração DTE/FAEP

O PARANÁ

REGIÃO OESTE REASSUME 1ª COLOCAÇÃO NO PARANÁ

Em 2014 a região Oeste voltou a liderar o ranking de produção de leite, passando à frente da Sudoeste que em 2013 havia assumido a 1ª colocação.

Essas duas regiões são responsáveis por 48% da produção estadual de leite e em produtividade perdem apenas para região Centro Oriental.

O crescimento da região Centro Sul continua expressivo, ao ponto de aproximar-se da região Centro Oriental em volume de produção, com aumento de 21,5% na produtividade.

O quadro abaixo mostra o desempenho de cada região paranaense.

PARANÁ E MESORREGIÕES

Produção de leite (mil litros), Vacas ordenhadas (cabeças),Produtividade (litros de leite/vaca/ano)em 2014 e variações% em relação a2013

PRODUÇÃO VACAS ORDENHADAS PRODUTIVIDADE
2014 Participaçãoestadual% Variação %

14/13

2014 Variação 14/13 % 2014 Variação 14/13 %
Paraná 4.532.614 100 4,3 1.723.996 0,48 2629 8,0
Oeste 1.091.137 24,1 5,1 303.806 1,28 3592 6,9
Sudoeste 1.076.336 23,7 -1,8 331.554 3,05 3246 -1,8
Centro Oriental 600.856 13,3 3,1 126.086 -1,27 4765 6,8
Centro-Sul 569.192 12,6 25,4 238.583 8,41 2386 21,5
Noroeste 386.588 8,5 2,1 211.094 -2,08 1831 10,5
Norte Central 211.923 4,7 0,1 149.767 0,74 1415 6,9
Norte Pioneiro 204.737 4,5 -1,8 167.258 -8,22 1224 17,2
Centro Ocidental 160.639 3,5 1,8 83.109 -9,04 1933 19
Sudeste 155.697 3,4 10,9 65.187 5,7 2388 9,7
Metropol. de Curitiba 75.510 1,7 -5,5 47.552 1,9 1588 -1,5

Fonte IBGE elaboração DTE/FAEP

 

CASTRO ENCABEÇA A LISTA DOS MAIORES PRODUTORES

Entre os municípios brasileiros, Castro é o 1º colocado em volume de leite produzido em 20214: 239.000 milhões de litros, com uma diferença a favor de 54% em relação a produção de Piracanjuba – GO município colocado em 2 º lugar.

Ressalte-se que, apenas a título de comparação, a soma dos 30 maiores municípios corresponde a uma produção 5,5% maior do que produziu em 2014 o estado de Santa Catarina, 5º maior produtor nacional de leite.

O quadro a seguir mostra o ranking dos 30 primeiros colocados na produção nacional de leite em 2014 e a comparação com 2013.

 

RANKING DOS 30MAIORESMUNICIPIOS BRASILEIROS EM PRODUÇÃODE LEITE
2014 2013
Município Produção (Mil Litros) Município Produção (Mil Litros)
Castro – PR 239.000 Castro – PR 230.700
Piracanjuba – GO 154.800 Morrinhos – GO 165.495
Patos de Minas – MG 148.757 Patos deMinas -MG 155.023
Jataí – GO 144.700 Piracanjuba – GO 147.490
Carambeí – PR 130.000 Jataí – GO 143.100
Patrocínio – MG 128.000 Carambeí – PR 129.990
Coromandel – MG 119.814 Ibiá – MG 119.015
Ibiá – MG 119.153 Coromandel – MG 113.669
Marechal Cândido Rondon – PR 112.857 Unaí – MG 113.000
10º Unaí – MG 112.000 Patrocínio – MG 111.200
11º Pompéu – MG 109.022 Marechal Cândido Rondon – PR 110.691
12º Prata – MG 106.000 Catalão – GO 99.900
13º Monte Alegre de Minas – MG 102.191 Concórdia – SC 99.100
14º Cascavel – PR 98.962 Curvelo – MG 97.451
15º Toledo – PR 98.803 Monte Alegre de Minas – MG 96.976
16º Passos – MG 94.500 Toledo – PR 96.837
17º Rio Verde – GO 91.000 Passos – MG 92.734
18º Concórdia – SC 89.780 Ipameri – GO 91.800
19º Curvelo – MG 86.713 Prata – MG 91.300
20º Uberlândia – MG 85.000 Uberlândia – MG 90.000
21º Orizona – GO 82.500 Cascavel – PR 89.100
22º Tiros – MG 80.512 Paracatu – MG 87.321
23º Catalão – GO 80.000 Pompéu – MG 87.170
24º Morrinhos – GO 80.000 Chopinzinho -PR 84.244
25º Perdizes – MG 78.200 Orizona – GO 80.000
26º Arapoti – PR 78.108 Perdizes – MG 79.200
27º Pontalina – GO 77.000 Arapoti – PR 78.445
28º Lagoa Formosa – MG 74.875 Luziânia – GO 77.760
29º Pitanga – PR 73.000 Itamaraju – BA 75.518
30º Campina Verde – MG 71.000 Lagoa FormosaMG 73.690
TOTAL 3.146.247

 

3.207.919

 

Fonte IBGE elaboração DTE/FAEP